Plantão: 9090 9 9935 6546
0800 6432100
2ª Via da Fatura


Notícias e Eventos


22/03/2017 - Qualidade do fornecimento de energia elétrica 2016

ANEEL ACABA DE DIVULGAR O RANKING DA QUALIDADE DO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA – 2016


Disponibilidade do sistema de distribuição chegou a 99,8% ao ano e a energia elétrica já chega a 99,7% da população brasileira
É o melhor desempenho das distribuidoras desde 2008, saindo em 2015 de 18,60 horas, em média, de duração de interrupção de energia (DEC*) para 15,82 horas ao ano.

O avanço é resultado de ações da ANEEL como as novas regras de qualidade nos contratos de concessão, a adoção de planos de resultados para as distribuidoras que apresentavam pior desempenho e a compensação financeira ao consumidor.

A ANEEL avaliou todas as concessionárias do país para o período de janeiro a dezembro de 2016, divididas em dois grupos: 32 concessionárias de distribuição consideradas de grande porte, com número de unidades consumidoras maior que 400 mil; e 30 concessionárias consideradas de menor porte, com o número de unidades consumidoras menor ou igual a 400 mil.


Das empresas com mais de 400 mil consumidores, as melhores colocadas foram a Companhia Energética do Maranhão (Cemar), seguida da Companhia Energética do Ceará (Coelce) e da Energisa Paraíba (EPB).


Das empresas com menos de 400 mil consumidores, as três melhores foram: Empresa Força e Luz João Cesa (EFLJC, SC), Energisa Borborema (EBO, PB) e a DME Distribuição (DMED, MG


Abaixo as tabelas com o ranking:


Ranking 2016 – empresas de grande porte (número de unidades consumidoras < 400 mil).



 

Ranking 2016 – empresas de pequeno porte (número de unidades consumidoras < 400 mil).

 
1.    Distribuidoras que suprem cargas localizadas em sistemas elétricos isolados.
2.    Distribuidoras com o processo não certificado de coleta e apuração dos indicadores de continuidade.

A classificação é elaborada com base no Desempenho Global de Continuidade (DGC), formado a partir da comparação dos valores apurados de DEC e FEC das concessionárias em relação aos limites estabelecidos pela ANEEL. O ranking é um instrumento que incentiva as concessionárias a buscarem a melhoria contínua da qualidade do serviço.

Desde 2013, o ranking é utilizado para definição das tarifas de energia elétrica. As empresas são incentivadas a melhorar a qualidade e são compensadas por meio de ajuste em suas tarifas. Da mesma forma, as distribuidoras que pioram o seu desempenho têm suas tarifas reduzidas.

A Empresa Força e Luz João Cesa Ltda – foi fundada em meados que 1940, sendo ela uma Sociedade por Cotas de Responsabilidade LTDA, e, é uma “Concessionária” de Energia Elétrica, destinada a pesquisar, estudar, planejar, construir e explorar a Distribuição e Comercialização de Energia, em qualquer de suas formas, principalmente a Elétrica, sendo tais atividades regulamentadas pela Agência Nacional de Energia Elétrica - ANEEL, vinculada ao Ministério de Minas e Energia - MME. A JOÃO CESA detém Concessão Federal válida até Julho de 2045, para a Distribuição e Comercialização de Energia Elétrica no Município de Siderópolis, Estado de Santa Catarina, conforme Contrato de Concessão assinado junto ao MME.


No ano de 2015, a João Cesa alcançou o significativo terceiro lugar no Ranking ANEEL, e de lá para cá, mesmo com o grande desafio que o Setor Elétrico vem passando, não se curvou aos desafios impostos pelo governo principalmente pelas tarifas fixadas a todos os consumidores do Brasil, valores estes que variam de distribuidora para distribuidora. O Ministério de Minas e Energia é quem faz o planejamento do setor Elétrico Nacional, e, quem regula, calcula e fixa as tarifas de Energia Elétrica para as Distribuidora de Energia aplicar nas suas cidades, é a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).


A Distribuição de Energia Elétrica é um setor fortemente regulado pelos Órgãos Federais, tanto em seus aspectos técnicos como econômico-financeiros. Visando sempre permitir o equilíbrio econômico-financeiro das distribuidoras.


Com uma vasta legislação a atender, e, com todas as dificuldades impostas ao setor elétrico, nos sentimos honrados em dividir com nossos consumidores e colaboradores o tão sonhado primeiro lugar conquistado em 2016.